19 de julho de 2024

Pai de jovem de 18 anos que morreu após um acidente na Cel. Gaspar expressa a sua insatisfação e solicita a aplicação da justiça

Por: Valdir Justino

 O único filho que eu tinha era a minha vida. Peço às autoridades que tomem as medidas necessárias para que outros pais não sofram o que estou passando agora, uma dor jamais comparada.

Com essas palavras, o senhor Wanderson B. Senna desabafou com a voz embargada sobre o trágico incidente ocorrido no último final de semana em Uruaçu, em 20/01, às 23h30, quando a motocicleta conduzida por seu filho, Danillo Senna, de apenas 18 anos, colidiu com um caminhão estacionado na Avenida Coronel Gaspar, no centro de Uruaçu.
No local, há placas de sinalização proibindo o tráfego de caminhões e estacionamentos, nunca.

Apesar da legislação municipal e das placas de sinalização, como é demonstrado na reportagem, diversos motoristas desobedecem e não cumprem a legislação, além de uma fiscalização ineficiente, que atua de forma cega, surda e muda, sem tomar medidas necessárias para obrigar os proprietários dos veículos a cumprirem a legislação.

As imagens a seguir e o áudio foram gravados pelo pai do jovem que morreu no local do acidente, onde, até o momento, existem vários caminhões estacionados sem nenhuma ação das autoridades competentes.

O cidadão e pai, diante de uma dor que só ele tem consciência do que está ocorrendo, requer justiça e medidas para que outros não sintam o mesmo sofrimento que ele está experimentando atualmente.

As informações abaixo são do portal do Motta

URUAÇU – Jovem bate a Motocicleta em traseira de Caminhão estacionado e vai a óbito

Tinha apenas 18 anos

Abaixo, Relatório original e sem alterações, da PM-GO (14° BPM / 18ª RPM).

“Av Cel Gaspar, SUL I – URUAÇU- Equipe acionada via copom para averiguar um acidente de trânsito com vítima. Chegando no local deparamos com DDD (Vítima), caído no chão, foi acionado a equipe do corpo de bombeiros militar e foi constatado o obtido no local pelo 2 Sgt Evandro. foi feito contato via 192 (samu), mas no momento não havia nenhuma equipe na cidade. Equipe do Instituto Médico Legal (IML) compareceu no local e realizou os procedimentos de praxe e logo em seguida recolheram o corpo para realizar exames cabíveis ao caso. MMM, relatou que estava em sua residência e escutou um barulho (Estouro) ao olhar pela varanda viu que DDD havia chocado com um caminhão estacionado. Foi feito contato com proprietário do caminhão, para retirar o veículo para remoção da motocicleta e logo após liberado no local por está de acordo com o CTB e a moto foi conduzida para o pátio do 14° BPM. Registra-se”.

✓Motta Filho • Portal (DRT-GO: 3001).

COMPARTILHE ESSA NOTÍCIA:

Facebook
Twitter
LinkedIn