17 de julho de 2024

Genocídio? Dengue já matou mais em 2024 que na soma dos últimos 7 anos

Ao todo, número de mortes em 2024 já passa de 4,3 mil

Por: Valdir Justino

Texto: Paulo Moura

O surto de dengue no Brasil em 2024 segue atingindo patamares históricos. Considerando apenas o número registrado até o final do primeiro semestre deste ano, a quantidade de óbitos pela doença já é maior que a soma dos sete anos anteriores inteiros. Ao todo, foram 4.367 mortes entre 1° de janeiro e 30 de junho deste ano, contra 4.331 entre 2017 e 2023.

O segundo colocado com o maior número de óbitos dos últimos oito anos foi justamente o ano passado, primeiro sob a terceira gestão de Lula (PT), quando 1.179 pessoas morreram de dengue em todo o Brasil. Durante todo o governo do ex-presidente Jair Bolsonaro (PL), entre 2019 e 2022, foram registradas 2.771 mortes, quantidade 36% menor que o primeiro semestre deste ano.

Até esta quinta-feira (4), o painel de arboviroses do Ministério da Saúde indicava que o Brasil estava com 4,6 milhões de casos confirmados de dengue, número mais de três vezes maior que o de 2023, quando o país teve 1,4 milhão de casos durante todo o ano.

O estado com o maior número de casos prováveis em 2024 é São Paulo, com 1,96 milhão. Na sequência, aparecem Minas Gerais (1,66 milhão), Paraná (633 mil), Santa Catarina (354 mil) e Goiás (305 mil).

COMPARTILHE ESSA NOTÍCIA:

Facebook
Twitter
LinkedIn