17 de julho de 2024

Ações do Magalu despencam na Bolsa, e analistas comentam

Especialistas apontaram problemas vividos pelo mercado em geral

Por: Valdir Justino

Na segunda-feira (15), as ações do Magazine Luiza lideraram as perdas do Ibovespa, o principal índice da Bolsa brasileira (B3). Houve queda de 7,83% no pregão. As informações são do Metrópoles.

Já nesta terça (16), os papéis do Magalu registraram uma pequena elevação e apareceram cotados a R$ 1,53, mas estavam longe de esboçar uma recuperação.

Para analistas, a queda das ações da empresa não têm relação com a deficiências estruturais da companhia, mas sim com os problemas vividos pelo mercado em geral que atingem, em particular, o varejo.

Lucas Lima, analista da VG Research, apontou questões macroeconômicas.

– Um primeiro ponto está ligado à mudança das expectativas do mercado sobre a queda de juros nos Estados Unidos, que deve demorar mais do que o esperado. Isso afeta os ativos de riscos, como as ações, no mundo como todo. E empresas como o Magalu, que possuem um fluxo de caixa ‘muito no futuro’, são afetadas de maneira mais intensa – falou.

Para o analista da Suno Research, José Eduardo Daronco, a principal causa da queda das ações é a elevação dos juros futuros.

– Isso impacta o varejo porque, quanto maior a taxa, menor o consumo.

COMPARTILHE ESSA NOTÍCIA:

Facebook
Twitter
LinkedIn