13 de julho de 2024

Empresa de filho de Lula entra na lista de devedores de impostos

Empresa já foi alvo de operação da Polícia Federal

Por: Valdir Justino

Uma das empresas do filho caçula do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) foi incluída na lista de devedores do Ministério da Fazenda por uma dívida tributária com a União.

O imposto não pago é referente à LFT Marketing Esportivo, fundada por Luís Cláudio Lula da Silva em 2011. De acordo com a coluna de Paulo Cappelli, do Metrópoles, o valor em aberto é de R$ 2.668,24.

A inclusão na relação de inadimplentes, que abrange tanto pessoas físicas quanto jurídicas, foi efetuada pela Procuradoria-Geral da Fazenda. Ao colunista, o filho de Lula se mostrou “surpreso” e afirmou desconhecer a débito.

– Sobre essa dívida, desconheço! Sempre paguei corretamente meus impostos! Inclusive recebo isso de você com um certo espanto. Solicitei aos meus contadores que verifiquem o que poderia ser isso – afirmou.

A empresa LFT Marketing Esportivo voltou a operar em no final de 2022, logo após Lula vencer as eleições Presidenciais. Luís Cláudio mudou a empresa de endereço e alterou o ramo de atividade para o ramo de eventos. O negócio chegou a ser alvo da Polícia Federal em 2015, na Operação Zelotes.

Sem absolutamente nenhum funcionário no ano de 2014, a empresa do filho de Lula lucrou cifras invejáveis naquele período, oferecendo supostos serviços a grupos de empresários com enorme ambição em negociar com o governo federal.

O Ministério Público Federal (MPF) e a Polícia Federal investigaram o caso no ano de 2015 quando o escritório da empresa foi todo revirado durante operação, mas nada que oferecesse risco ao sossego do filho do, então, presidente da República.

COMPARTILHE ESSA NOTÍCIA:

Facebook
Twitter
LinkedIn